Hidroterapia (Spa) de Equinos

Centro de Excelência EquiPrime

A Hidroterapia de Eqüinos (Spa) depende de quatro fatores básicos: temperatura, concentração de sais, profundidade da água e aeração.

Temperatura

A aplicação de agua fria (2-4°C) apresenta três reações básicas.

1. Redução no metabolismo, em nível celular, onde as células necessitam de menor
aporte de oxigênio e sofrem menos lesões por hipóxia.

2. Redução da permeabilidade das paredes dos vasos sanguíneos, reduzindo assim
a quantidade de líquido que se acumula na área lesionada.

3. Aumenta o grau de adormecimento do local lesionado proporcionando analgesia
ao animal.

Uma das melhores características da hidroterapia a frio é a não interferência nos efeitos benéficos do processo de cura.



Concentração de Sais

A concentração de sais na água tem um grande impacto sobre o processo de cicatrização dos tecidos. Altas concentrações de sais têm influencia significativa na dispersão de fluidos acumulados ao redor da lesão. Além disso, a presença de vários sais tem grande influência na cura da lesão.

Profundidade da Água

Quanto maior for a profundidade da água maior será a pressão física exercida sobre os tecidos, que, por sua vez, auxilia na dispersão de fluidos acumulados.

Aeração

O turbilhonamento da água produz um potente efeito relaxante sobre os tecidos moles. Acredita-se também que o aumento dos níveis de oxigênio na água auxilia nos processos de cicatrização das lesões.

Além disso, os cavalos tendem a relaxar mais quando em contato com a água fria, o que é evidenciado pela redução dos batimentos cardíacos.

CET Equine Spas logoMais informação no CET Equine Spas.






© 2012 EquiPrime|All Rights Reserved.|E-mail: lesley@equiprime.com.br
Contato: EquiPrime Clinica Equestre Ltda, Haras EquiPrime, Estrada Teresópolis - Friburgo km 13, Vargem Grande, Teresópolis, RJ, Tel. 21 88392383|